Domingo, Setembro 26, 2021
InícioAnáliseJogadoresVale a pena trazer de volta Ricardo Esgaio? E a que preço?

Vale a pena trazer de volta Ricardo Esgaio? E a que preço?

Um dos assuntos da actualidade do Sporting é o possível retorno de Ricardo Esgaio ao Sporting. Fazendo fé nas notícias o Sporting está bastante interessado neste regresso, tal como o próprio Ricardo Esgaio, ficando apenas a faltar o Braga aceitar os termos do negócio, o que pode complicar.

Ricardo Esgaio fez treze anos de Leão ao peito, entre formação e escalão principal, e foi sempre um profissional muito querido da casa. Essa parte é incontestável, mas não chega para voltar ao plantel principal.

O que pode ajudar a regressar é ter ganho finalmente muito espaço nestes anos que passou em Braga, Uma regularidade que lhe permitiu fazer quase duzentos jogos em quatro anos, marca interessante e que mostra qualidade e regularidade. Isso além de ser um jogador que conhece o sistema táctico actual do Sporting, o seu treinador e os seus métodos.

O que era aqui dito sobre Esgaio

Uma das vantagens do Sporting Com Filtro existir há quase 7 anos é que tem uma quantidade de visões passadas que permite olhar para trás e ver o que pensava sobre alguns temas no passado. E Esgaio foi um tema que foi mais que uma vez aqui abordado.

A sua qualidade ao ler o jogo, e interpretar aquilo que o treinador pretendia dele, tornaram-se a sua maior vantagem. Mas também o seu maior defeito. Por um lado permitia-lhe ter espaço tanto no plantel da B como da A, visto poder ser colocado em qualquer posição. Por outro lado foi sempre usado como o tapa buracos. Onde faltava um jogador lá ia parar o Esgaio.

Sporting com Filtro – 30 de janeiro de 2015

Sempre foi uma das suas grandes qualidades, ou mesmo a sua grande qualidade, felizmente com o tempo conseguiu estabilizar a posição de ala esquerdo, o que acaba por ser positivo, pois é agora um ala de forma declarada.

Claro que ter a capacidade para ser o tapa-buracos continua lá, e é mais-valia a qualquer treinador.

Dotado das qualidades mentais acima salientadas não deixa de ser um jogador tecnicamente interessante. Não sendo um driblador por excelência é na qualidade com que recebe a bola, e a consegue recolocar nos colegas que se apresentam os seus maiores predicados técnicos. Raramente um passe simples sai falhado dos pés do jogador natural da Nazaré.

E os passes que falha são passes que envolvem risco, mas que se a bola por ventura encontra o colega a quem a endereçou será uma ocasião de perigo eminente.

Sporting com Filtro – 30 de janeiro de 2015

Continuo a ter muito esta ideia, mas para não ficar apenas com a ideia fui confirmar os dados desta temporada. Fez uma época, em 46 jogos, uma média de quase 45 passes por jogo. Isto mantendo uma percentagem de acerto de 80,5%, o que é bastante razoável.

Mas os números voltam a validar a opinião que tinha dele, pois apesar de alguns passes falhados eles tendem a ser de risco, o que acaba por ser visível quando apresenta 1,3 passes-chave por jogo na nossa liga, ao que soma 2,2 passes longos com sucesso em 90 minutos e 1,3 cruzamentos igualmente eficazes.

De notar, no entanto, que estes números são ligeiramente inferiores aos de Pedro Porro, que ofensivamente é melhor tanto nestes parâmetros como nos de drible e remate.

Junta também a isso uma disponibilidade sem limite para abordar cada lance. Apesar do seu 1.73m não para um minuto, e nunca evita o contacto. E desistir é algo que se nota que não está no seu ADN.

Sporting com Filtro – 30 de janeiro de 2015

Isto traduz-se muito naquilo que é o seu valor defensivo, e continua presente e faz falta. E permite que no capítulo defensivo seja o único em que consegue ter números ligeiramente superiores a Pedro Porro, que continua a ser um jogador melhor e mais completo.

Ricardo Esgaio renovou pelo Sporting Clube de Portugal até 2022, fixando-se agora a cláusula de rescisão em 45 M€. O polivalente jogador fez apenas 13 jogos esta época. No entanto esteve quase sempre presente no banco de suplentes.

Fica a confiança que Jorge Jesus deposita no jogador, de longe um dos mais cumpridores e inteligentes tacticamente do plantel, que sabe que pode contar com ele para qualquer posição em campo.

Não sei se algum dia será um titular no clube, mas é daqueles que gosto que esteja sempre presente. E sei que será útil e cumprirá.

Sporting com Filtro – maio de 2016

O último parágrafo continua actual, e acredito que se vier para cá será sempre um jogador útil mesmo que não seja um titular declarado. Mesmo para titular é um jogador que serve, mesmo que não seja um craque, e terá tudo para nunca ser um problema para a equipa, mesmo que esteja longe da qualidade ofensiva dada por Pedro Porro.

Quanto à confiança de Jorge Jesus, essa foi uma traição típica do treinador português. Primeiro renova com o jogador, e depois vai pedir um par de brinquedos novos que não permitem o crescimento dos jogadores, nem a sua utilização de forma regular. Acabando mesmo a temporada de 16-17 com apenas mais um jogo que na anterior. E muito poucos minutos.

Com outro treinador em Alvalade teria continuado, e não usado como moeda de troca no negócio Battaglia? Provavelmente, e teria continuado a ser útil e crescer, mas Braga fez-lhe muito bem.

Conclusões e Valores

Ricardo Esgaio é para mim um jogador que teria lugar no plantel do Sporting. Como suplente acho-o excelente, ou mesmo excepcional, como titular não fico doido, mas aceito-o perfeitamente.

Quanto aos valores envolvidos poderá ser mais complexo, o ideal era mesmo devolver o Battaglia a Braga e receber Esgaio, desfazendo o anterior negócio, mas duvido que António Salvador queira, ou mesmo Battaglia.

Na imprensa vem que o Sporting oferece 5 milhões, e o Braga quer entre 8 a 10. Penso que sejam os 10, dos quais descontamos os 20% do passe que ainda temos. Um valor bem alto, ou até dois valores bem altos para ser honesto.

Depois pensamos nas valorizações de Borja e Rosier. O primeiro na ida para Braga no negócio Paulinho, por 3 milhões de euros, e o segundo que é falado estar no mercado por 6-7 milhões.

Acho Ricardo Esgaio muito melhor que Borja, e melhor que Rosier. Como tal a minha posição acaba por ser meio ambígua, e desde que paguemos igual ou menor valor do que recebermos por Rosier, fico satisfeito com o retorno de Esgaio.

Sporting massacra Marítimo, mas apenas chega ao golo nos descontos

0
Hoje em Alvalade presenciamos um autêntico massacre em Alvalade, que chegou a parecer poder não chegar para conseguir os três pontos. Três pontos esses...

Como aguentar mais 3 jogos sem Inácio nem Pedro Gonçalves?

2
Hoje a conferência de imprensa de Rúben Amorim deixou claro que dificilmente teremos Pote no próximo mês, e pelo menos nos próximos dois jogos,...

Dolores Aveiro afirma que Cristiano Ronaldo, e o seu filho, irão jogar no Sporting

0
O Cristiano tem que voltar ao Sporting. Eu já disse a ele "filho antes da mãe morrer eu gostaava de ver tu a jogares...

Hugo Miguel e Vasco Santos salvam Benfica de forma escandalosa ignorando penalti

3
Todos sabemos que até às eleições no Benfica, pelo menos, o sistema dificilmente permitirá a perda de pontos ao clube do regime. Mas hoje...

Vitória complicada, e importante, na prova que Paulinho tem de ir à bruxa

0
Hoje o jogo era ainda mais importante que o normal para o Sporting, e tinha tudo para ser um bom jogo de futebol. Em...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar