Segunda-feira, Dezembro 5, 2022
InícioNotíciasFutebolUma vitória com trabalho e querer do Sporting

Uma vitória com trabalho e querer do Sporting

Ganhar um derby é sempre um sentimento especial, seja em que altura for, seja para que forma for. E isto é tanto válido para nós como para os adeptos do Benfica. Ontem, no entanto, estava curioso em ver como cada equipa entrava em campo, porque as posições na tabela poderiam em muito influenciar tanto tacticamente como animicamente as equipas.

O Benfica precisava de ganhar, para tentar aproximar-se do Sporting, ficando a três pontos em caso de vitória, e não deslocar negativamente do Porto.

Já ao Sporting um empate serviria mais do que noutras ocasiões. Um empate deixaria o Sporting na liderança isolada da Liga de qualquer forma, com dois pontos de vantagem para o Porto, mantendo os seis para o Benfica, e vendo o Braga aproximar-se apenas para sete.

Tendo em conta este cenário tinha receio que o Sporting animicamente, e mesmo tacticamente, jogasse mais cauteloso, mais conservador e até quem sabe mais defensivo. E esperava que o Benfica tentasse atacar de forma total o Sporting, do início ao fim do jogo.

O que vimos em campo, no entanto foi completamente diferente. O Benfica respeitou de tal forma o Sporting que até tacticamente mudou toda a sua disposição para tentar conter o Sporting. E o Sporting manteve o seu esquema totalmente inalterado, atacando da mesma forma que ataca qualquer outro adversário.

Durante todo o jogo o Sporting mostrou-se a equipa mais equilibrada, coerente e objectiva. Sempre com as suas ideias claras e, mesmo sem ter a maioria da posse de bola, a mais capaz de chegar a situações de perigo.

O volume de cantos a favor prova isso mesmo, e no fim do jogo claramente que a haver um vencedor seria o Sporting, por muito que se aceitasse um empate. Quem não aceitou nunca o empate foram os jogadores, e treinador do Sporting.

Nunca abrandaram, nunca desistiram, e mais uma vez já depois dos 90, numa jogada de muita alma e insistência o golo acabou de chegar.

Agora é saber que temos uma vantagem que nos permite sonhar, mas no entanto em nada mudar a lógica e o plano, vamos jogo a jogo tentar ganhar a cada adversário, até ao sonho final.

Trincão é a imagem de uma equipa perdida.

1
Estou completamente farto de Francisco Trincão. Um jogador deambula entre a vontade de fazer mais uma fintazinha para o Youtube e o poder de...

Rúben Amorim e o que começa a parecer a história de Paulo Bento

1
Há uns dias, após a vergonha passada frente ao Marselha em Alvalade, estive para fazer um texto a comparar Paulo Bento e Rúben Amorim....

O que dizer do fim do Futebol de Praia do Sporting?

1
Lembro-me bem dos grandes jogos de Futebol de Praia que nos agarravam à televisão no final dos anos 90, e início da década de...
mercado de transferências

O que tem de ser feito até ao fim do mercado para ainda sonhar?

O jogo do passado sábado terá de ser visto para toda a equipa técnica e directiva como um enorme abre olhos. O Sporting precisa...

O que se passou ontem com Rúben Amorim?

0
Gosto muito de Rúben Amorim, e é o melhor treinador que já vi treinar o Sporting.  A forma que pegou na equipa sem medo, de...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar