LPM

Luís Paixão Martins foi dos primeiros, e mais vocais, apoiantes públicos de Frederico Varandas. E ontem estreou-se no programa Prolongamento da TVI a falar a título pessoal enquanto Sportinguista.

No entanto deixou esta acusação nada simpática a Frederico Varandas.

Não sei se Luís Paixão Martins é ainda proprietário da LPM, mas pelo menos não tem nenhum cargo activo na mesma desde que se reformou, conforme refere várias vezes. Agora que isto é uma frase dura, de alguém que parece saber do que fala, isso é.

E nem sequer é a parte do comunicar mal, é mesmo a parte do não querer comunicar melhor.

Se Luís Paixão Martins fosse ainda o líder da sua LPM isto poderia significar algo mais, talvez mesmo a saída da mesma da comunicação do Sporting e de uma forma tudo menos simpática. Assim é apenas um adepto do Sporting frustrado por alguém que ele próprio apoiou e que segundo ele não quer aprender.

Mas no fim do dia que Frederico Varandas tem sido tudo menos um comunicador eficaz, disso ninguém tem dúvidas.

2 COMENTÁRIOS

  1. Em demanda do Preste João… ou em demanda do Presidente Perfeito?
    Ora arranjamos um presidente muito fazedor e demasiado palrador, ora arranjamos um presidente fazedor e nada falador…

    Ah, e temos aquele ditado, velhinho e sábio:”Não olhes para o que digo, olha para o que faço”

    SL

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.