Sexta-feira, Fevereiro 28, 2020
Início Análise Clube Passados 30 dias, sobra a pergunta: demissão, para quando?

Passados 30 dias, sobra a pergunta: demissão, para quando?

Este é um artigo de um autor convidado do Sporting Com Filtro. Se gostarias de um dia fazer o mesmo entra em contacto connosco via email.

-

No dia 23 de Dezembro, publicámos o artigo “Janeiro. Os 30 dias que podem mudar tudo”. Alertámos, nesse texto, para o facto de ser crucial que a Direcção entendesse a importância de nada falhar no mercado de Inverno para que, desportivamente, também tudo corresse bem.

Passado estes 30 dias, os resultados estão à vista. O ponta de lança que era necessário entrar logo na primeira semana de Janeiro, apenas assinou dia 23, a uma semana do fecho da janela de transferências. No mesmo dia, Gelson Dala foi emprestado ao Rio Ave.

No dia 28 de Janeiro, Luiz Phellype lesionou-se e só vai poder estar apto na próxima época. Mais uma vez, a “estrutura” não tinha nada preparado para esta situação. É público que tentaram contratar Taremi do… Rio Ave. Claro que, sem poder de negociação, o Rio Ave esticou a corda para tentar ficar com o passe de Gelson Dala e aumentou o valor pedido para se fazer o negócio. Não havia nenhuma alternativa a Taremi e vamos jogar a segunda volta com apenas Sporar e Pedro Mendes como pontas de lança.

Era imperativo que nada falhasse durante o mês de Janeiro. Ao invés, vendemos Bruno Fernandes abaixo do valor pretendido e apenas fomos buscar o ponta de lança a uma semana do final do fecho da janela de transferências.

Perdemos frente ao Benfica. Perdemos frente ao Porto. Perdemos frente ao Braga. E perdemos frente ao Braga outra vez.

Esta direcção teve uma última oportunidade de mostrar trabalho e correu como correu.

Demissão, para quando?

6 COMENTÁRIOS

  1. Estamos a espera de que?
    Estes bandalhos , incompetentes e arrogantes
    Destituídos o mais rápido possível.
    O mal que já fizeram ao clube e irreversível.
    Atenção Sor Rogério Alves , estes rapazinhos
    Vao ter que prestar contas dos mais de trezentos milhões gastos,e o pior plantel que me lembro
    Nos meus cinquenta e dois anos.
    Miseráveis incompetentes.todos não somos demais no domingo,As 15 horas.

    • Epa se for preciso fazemos uma estátua a porta do estádio com o Sousa Sintra e o varandas… Continuamos a pagar os ordenados deles durante 10 ou 20 anos. Mas deixem o Sporting por favor!

    • A contestação tem de ser feita no próximo jogo em casa. E desta vez não pode ser só as claques a pedir a demissao. Tem de ser o estádio todo, só assim é que eles caiem na realidade. De preferência no fim do jogo.. ou então se correr mal a partida pode ser durante o jogo. Ou então marcar uma vigília em alvalade e pedir uma assembleia para dar voz aos sócios. Chega de brincarem as presidencias.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Napou-Leão
Napou-Leão
Não perguntes o que o Sporting pode fazer por ti. Pergunta o que tu podes fazer pelo Sporting.

Outros Artigos

Passados 30 dias, sobra a pergunta: demissão, para quando?

6
No dia 23 de Dezembro, publicámos o artigo "Janeiro. Os 30 dias que podem mudar tudo". Alertámos, nesse texto, para o facto...

A voz das bases: Sporting160TV

0
Arrancou ontem o projeto Sporting160TV, uma "TV" com enfoque nosadeptos do Sporting com base no podcast de qualidade que é o...

AG da SAD do Sporting na primeira pessoa

7
Estive presente na AG  da SAD que decorreu ontem no Estádio de Alvalade. Existe sempre algum recato e reserva de...

Ricciardi quer usar medo para vender a Sporting SAD

3
Todo este caos, alimentado por várias facções dentro e fora do Sporting, vai ser aproveitado para lançar o medo. O medo do...

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar