Olhando para o onze deste fim de tarde frente ao Tondela salta à vista a presença de Diaby, mas não de nenhum outro avançado que faça de avançado centro.

Bem sei que Nani o fez durante o Euro 2016, como falso ponta de lança, e que Raphinha pode fazer o mesmo. Mas neste caso parece tudo encaixar para a formação ser algo como esta.

Sou sincero, gosto bastante mais deste onze na teoria do que esperaria.

Diaby tem-se mostrado forte nas desmarcações, e estranhamente tem finalizado bem. Mesmo que a nível de drible, e cruzamento, se tenha mostrado sempre um pouco ineficaz.

Sabendo que terá uma linha de 4 com Nani, Raphinha, Wendel e Bruno Fernandes, todos eles muito fortes tanto na meia distância como nos passes para as costas da defesa, fico a pensar que podem fazer aqui algo diferente mas também eficaz.

Estou curioso, mas estou com aquele feeling que pelo menos um golo será de Diaby, num passe que foi feito para as costas da defesa e o avançado aproveitou com toda a sua velocidade.

3 COMENTÁRIOS

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.