Sexta-feira, Julho 30, 2021
InícioAnáliseClubeO que pensar da entrevista de Hugo Viana?

O que pensar da entrevista de Hugo Viana?

Hoje no Record, até agora sempre o órgão favorito desta direcção, Hugo Viana vem finalmente falar sobre o estado actual do futebol, e em particular do último mercado de transferências.

Se já antes não estava muito satisfeito com a sua prestação enquanto director do futebol profissional esta entrevista fez pouco por melhorar essa impressão.

Posso falar logo do caso de Pedro Mendes e da sua não inscrição. Colocam a culpa em cima de Marcel Keizer, que era o treinador à data do fecho do mercado. Não deixa de ser verdade, mas a decisão da demissão do técnico deve ter ocorrido dias antes a 31 de Agosto no último jogo que fez como treinador principal. Entre esse dia e o fecho do mercado a 2 de Setembro já não devem ter sido suas as decisões do plantel para o resto da época. E um director desportivo competente não podia deixar a equipa com apenas um ponta de lança registado no plantel.

Isso remete para um segundo ponto quando vemos Viana a defender que há dois noves no plantel, sendo o segundo Jesé. Considerar Jesé um ponta de lança é algo mau e que faz duvidar ainda mais da competência de Hugo Viana para o cargo.

Claro que fala de coisas bonitas para o futuro, alguns lugares comuns como os pontos em disputa, e que neste mercado até demos lucro. Não que isso seja mau, mas não chega.

Isto é pouco, e precisamos de muito mais para ficar descansado. Por exemplo entrar num ciclo de vitórias rapidamente, a começar pelas recepções ao Rosenborg e Guimarães, que não se avizinham fáceis. Se começarmos a ganhar no entanto tudo de repente melhora como sempre. Pode ser injusto mas no futebol a diferença entre bestiais e bestas acaba por ser a bola entrar ou não.

O nosso Jorge Fonseca mesmo lesionado foi Bronze em Tóquio

0
Hoje Jorge Fonseca entrou de rompante nos Jogos Olimpicos ganhando os dois primeiros combates de forma incrível. Nas meias-finais com o sul-coreano Cho Guham tudo...

Emocionante despedida a Vitorino Antunes. Obrigado por tudo!

0
Quando o ano passado Vitorino Antunes chegou ao Sporting havia muitas dúvidas sobre a sua condição física, e se conseguiria jogar e ser importante...

Sábado vamos entrar em campo com as Quinas

0
Ver o Sporting entrar em campo este ano com o emblema de Campeão da Liga não me chateia minimamente, mas sinceramente não gosto, nem...

John Textor: A primeira tentativa hostil de takeover de uma SAD de um ‘grande’

1
Estamos neste momento a assistir à primeira tentativa de um privado tomar controlo de uma SAD de um 'grande' em Portugal. Estou, evidentemente, a...

Que belo jogo na vitória do Troféu 5 Violinos

0
Durante muitos anos o Sporting sofrer um golo cedo era sinal de desgraça pela certa. Hoje sofremos um golo, e tudo se manteve calmo....

2 COMENTÁRIOS

  1. Nesse caso, por muito que me custe, é melhor que a bola não entre, caso contrario vamos ter meia dúzia de vitórias que não irão mudar em nada a miséria que é o nosso futebol e o mais certo é ficarmos sem a SAD a curto prazo.
    É preciso escorraçar esta corja para fora do Sporting, especialmente Rogério Alves.

    • Pois mas nosso lema é esperança e a gente sonha sempre que elas entram até sermos campeões. Se n correr bem, lá para maio faz se eleições. Estar a fazer antes duvido muito que seríamos campeões na mesma. Pelo menos não me lembro da nossa história mudar de presidente e sermos campeões. Mas talvez trazia alguma paz para a bancadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar