Quinta-feira, Agosto 13, 2020
Início Análise Jogos Não podemos dar meia hora aos adversários

Não podemos dar meia hora aos adversários

O jogo contra o Tondela ainda me está a dar voltas à barriga. Há quase 24 horas estava eu a entrar no estádio à espera de três pontos que não duvidava vir a conquistar.

E parece que os jogadores partilhavam desse mesmo pensamento. Entraram em campo sem jogar necessariamente mal, mas muito calmos e tranquilos à espera que o jogo se resolvesse só por si.

Se têm entrado com a garra e querer que tem sido o seu apanágio, ainda antes da expulsão do Rui Patrício já teriamos a ganhar por dois ou três golos, e tudo seria diferente.

Voltamos a dar, como tantas vezes no passado, meia hora aos adversários, e pagámos caro por isso mesmo. Tivemos depois atitude e coragem de verdadeiros leões, e ainda virámos o jogo. Para depois o voltar a perder num lance tudo menos inteligente, com Jefferson a dormir na formatura.

Ainda espero vir a falar mais sobre este jogo. Existem demasiados assuntos que ainda quero deixar arrefecer antes de falar. Especialmente a arbitragem. Mas que aquela meia hora sem atitude à Sporting fez mossa, isso fez.
PARTILHA

Pinto da Costa contrata Carraça do seu filho Alexandre?

1
Dos três grandes o clube que provavelmente mais bem servido de laterais direitos será o Porto. Com Jesus Corona, Manafá e ainda...

Quais seriam as reacções à contratação de Gaitan, se fosse no Sporting

1
Hoje estranhamente vi Sportinguistas a comentar a contratação de Gaitan pelo Braga como se fosse algo realmente notável conseguido por António Salvador....

O que pensar do limbo da Contratação de Antunes

0
O que pensar da chegada eminente de Antunes, se é que esta se chega mesmo a acontecer

Revolução digital: Prometido vs Em preparação

5
As diferenças entre as alterações eleitorais e digitais que Frederico Varandas propôs antes de ser eleito, e que estão a preparar agora.

Carlos Barbosa da Cruz engana-se no centro do seu argumento em defesa do sistema...

2
O tema do voto eletrónico, i-voting, e do número de votos de cada associado estão hoje no centro dos temas da agenda...

2 COMENTÁRIOS

  1. O problema nem são os 30 minutos. O problema é deitar tudo a perder porque acharam (incluindo o treinador) que depois do 2-1 não era preciso estar concentrado.
    Virámos o jogo em 16 minutos, mesmo jogando com 10. Aos 61 já estava 2-1. O treinador tinha uma substituição a fazer mas continuou em campo com Ruiz, Slimani, João Mário e Gelson.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar