Verdade

A qualidade da imprensa portuguesa anda pela hora da morte. Notícias falaciosas, tendenciosas e até puras mentiras. Tudo isso infelizmente já não surpreende.

Hoje tivemos mais um exemplo disso mesmo.

A notícia

Miguel Albuquerque para parar com notícias falsas de que estaria ligado a uma candidatura resolveu fazer um post no Facebook.

Nele afirmou claramente que já tinha falado com várias candidaturas e recebido vários convites para integrar as mesmas.

No entanto prefere ficar como funcionário do clube recusando participar no acto eleitoral. Mas que findas as eleições aceita continuar no seu cargo com qualquer presidente, ou mesmo passar a chefiar mais modalidades.

Versão Renascença

Não sendo mentira é um pouco extrema. Recusou os convites para integrar listas mas aceitou trabalhar com qualquer candidato.

Click bait, mau jornalismo, mas não é bem mentira.

Versão Diário de Notícias

Esperem lá. Mas o mesmo post de Facebook deu para estas duas notícias?

E se a da Renascença era má e rebuscada esta consegue ser pior. Só não é mentira porque na realidade Miguel Albuquerque diz estar com qualquer presidente do Sporting que seja eleito.

Agora ambas são péssimo jornalismo.

E o Record?

O Record fez a notícia de forma correcta como se pode ver abaixo.

No entanto não fez nenhuma publicação no Twitter com o facto como os outros fizeram.

Devia ter feito? Bem tendo em conta a capa que fizeram hoje de manhã pensava que o fariam…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.