Sexta-feira, Dezembro 9, 2022
InícioOpiniõesSelecção NacionalIlações a tirar do Portugal França

Ilações a tirar do Portugal França

Estes jogos particulares servem para testar tácticas, mecanismos e jogadores. E é importante na sequência dos mesmos analisar o que correu de bem e mal e tirar ilações.

E eu como não podia deixar de ser fiquei com umas quantas tiradas…

Primeiro que tudo Eliseu não é jogador para a selecção nacional. Lento e fraco a defender. Virtualmente inútil a atacar. Cédric esteve mal também, mas tem algumas vantagens. Primeiro não tem tanta concorrência do seu lado. Antunes, Raphäel Guerreiro são melhores que Eliseu, e isto é para suplente, que Fábio Coentrão é o titular. E depois tem 30 anos, mais 7 que Cédric. Cédric está a crescer como jogador, Eliseu está a crescer na balança. Mas ficou bem jogar para agradar ao clube que representa…

No centro da defesa gostava de ter visto José Fonte. Mas entre Bruno Alves e Ricardo Carvalho, tenho de reconhecer que o mais velho esteve melhor. Mas qualquer um dos dois é já um veterano.

No meio campo ficou provado que mesmo um William em baixo de forma é o nosso trinco. Libertou muito mais Tiago e Moutinho que subiram de produção na segunda parte. Especialmente o jogador do Atlético de Madrid, que Moutinho continua a atravessar um mau momento de forma. Podia ser a deixa para a entrada de Adrien, mas fica bem tentar dar mais minutos para subir a forma de Moutinho. Tiago esse mostrou-se ao nível que tem estado no Atlético. Tem mais que espaço nesta equipa, e poderá ser muito importante.

André Gomes tem um enorme potencial, e tem estado em grande forma no Valência. Mas hoje esteve fracamente mal. Deve continuar na selecção pois de futuro vai conseguir estar melhor. Assim o espero.

Já João Mário entrou para espalhar classe. No jogo do Sporting contra o Chelsea não tinha tremido, e pensei que fosse uma característica do jogador. Hoje voltou a provar isso mesmo. Classe, técnica, e maturidade. Agora começa a juntar-lhe alguma intensidade. É um prazer vê-lo jogar.

O tridente Ronaldo, Nani e Danny mostrou-se muito activo. Lutaram pela bola, tentaram criar espaços, e deram-se ao jogo. Mas a defesa francesa, bem apoiada pelo seu meio campo, são muito fortes. E as rotinas deste tridente ainda estão a ser criadas. Ricardo Quaresma também não entrou mal, tal como Vieirinha, se bem que não a táctica ideal para o jogador do Wolfsburgo. Já Éder prova que se calhar o melhor que temos a fazer é mesmo jogar sem ponta de lança.

Agora vamos ver o que vai Fernando Santos fazer no jogo oficial contra a Dinamarca. Curioso, isso já estou!

Trincão é a imagem de uma equipa perdida.

1
Estou completamente farto de Francisco Trincão. Um jogador deambula entre a vontade de fazer mais uma fintazinha para o Youtube e o poder de...

Rúben Amorim e o que começa a parecer a história de Paulo Bento

1
Há uns dias, após a vergonha passada frente ao Marselha em Alvalade, estive para fazer um texto a comparar Paulo Bento e Rúben Amorim....

O que dizer do fim do Futebol de Praia do Sporting?

1
Lembro-me bem dos grandes jogos de Futebol de Praia que nos agarravam à televisão no final dos anos 90, e início da década de...
mercado de transferências

O que tem de ser feito até ao fim do mercado para ainda sonhar?

O jogo do passado sábado terá de ser visto para toda a equipa técnica e directiva como um enorme abre olhos. O Sporting precisa...

O que se passou ontem com Rúben Amorim?

0
Gosto muito de Rúben Amorim, e é o melhor treinador que já vi treinar o Sporting.  A forma que pegou na equipa sem medo, de...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar