Wendel

Wendel não seguiu viagem para a Madeira para jogar contra o Nacional da Madeira, e com isto confirmando as notícias do Record.

Não queria acreditar que isto fosse possível, até porque Wendel, mesmo que tenha infringido o regulamento interno, não faltou a nenhum treino nem limitou o seu rendimento. Poderia ser alvo de um processo interno de multa, mas nunca mais do que isso faria grande sentido.

Agora o que é realmente grave é que esta notícia sai como capa no Record na madrugada a seguir ao acontecimento, sem informações nenhumas públicas. Como sabiam desde logo a posição completa do Sporting?

Há duas hipóteses, ambas más.

Na primeira alguém na direcção do Sporting resolveu informar “em primeira linha” o Record, sem sequer primeiro informar publicamente os sócios do processo disciplinar, que ainda não foi tornado público, e as suas consequências.

A outra hipótese é alguém do Record ter visto o video do Instagram, ligado para alguém do Sporting a pedir informações sobre este caso, e quem estava do lado da nossa direcção ter dito que não estava autorizado, e quais iriam ser as consequências.

Em ambos os casos são fugas de informação graves, e de dados internos do clube, que a somar às fugas das auditorias metem em causa a confiança nesta direcção de forma grave e as suas ligações à Cofina, dona de Correio da Manhã e Record.

Demasiado grave todas as fugas de informação para a Cofina que não param de acontecer e que exigem respostas.

5 COMENTÁRIOS

  1. O Wendel ter sido visto no estádio ou até ter voltado junto com algum jornalista do Record está fora de hipótese…

    Tem mesmo de ser alguém interno do Sporting colocar a noticia no Record!

    • Não é ele ter ido que não poderia ser noticiado.
      É o processo ao jogador que deveria ser do foro interno do clube, mas que de alguma forma chegou ao grupo cofina.
      Sejam ratos, sejam toupeiras… o bufo tem de ser encontrado e expulso de sócio (diz que está na moda)!!!

      • Ainda não perceberam que isto não é obra de um bufo mas sim de uma bufa?

        Acham que em todos estes casos é apenas um indivíduo que resolve bufar?

        É toda esta direcção a bufa! Em momento algum se coibem de divulgar informações confidenciais ou que em nada interessam vir a público. Já esqueceram aquela conferência de imprensa dos colchões? Porque é que agora haveria de ser diferente?
        E porquê a cofina? Os favores têm de se pagar…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.