Domingo, Outubro 25, 2020
Início Notícias Brexit - Aspectos em que pode mudar o Futebol. Quem ganha e...

Brexit – Aspectos em que pode mudar o Futebol. Quem ganha e quem perde?

Ontem o Reino Unido resolveu abandonar a União Europeia. Isto vai ter consequências para todos os níveis da sociedade. E não apenas no Reino Unido, nem apenas na Europa. É um acontecimento marcante da nossa Era. E também vai fazer com que algumas coisa mudem no futebol.

O Valor da Libra desvaloriza o poder dos emblemas Britânicos

Uma das grandes forças do futebol britânico é o seu poder financeiro. Pagam bem aos clubes nas transferências, e pagam muito bem aos jogadores que aí jogam.

Hoje a Libra já caiu mais de 8%, e não se sabe se não cairá mais. Automaticamente os salários reais dos jogadores (que não queiram ficar após o futebol no Reino Unido) tiveram essa quebra.

E também o valor que um clube pagará por um jogador, se em libras, terá a mesma queda. Se há uns dias estavam a oferecer 50M € por alguém, agora já só estão a oferecer 46M €…

O Leicester só oferecia 25M€ pelo Slimani, ficando a 5M€ da cláusula? Agora já estão a 7 de distância com a desvalorização.

Jogadores da União Europeia vão passar a contar como estrangeiros?

Por via da Lei Bosman, Europeia, todos os países Europeus passaram a ter de aceitar jogadores da União como nacionais nos seus campeonatos.

De repente, a não ser que algo se altere, vão voltar a ser estrangeiros, e isso significa três coisas directamente para a Liga Inglesa.

1 – Jogadores estrangeiros precisam de Licença de Trabalho

Os jogadores estrangeiros a jogar no Reino Unido precisam de uma licença especial de trabalho. E que normalmente só é atribuída a jogadores que façam um mínimo de jogos pelas suas selecções. Se esta regra se mantiver vão baixar e muito o número de jogadores de segunda linha que alimentam as equipas do meio da tabela. E mesmo do Championship.

2 – A qualidade média da liga Inglesa baixará

Com a obrigatoriedade de ter mais jogadores britânicos nos seus onze, deixarão de poder usar o melhor que o dinheiro pode comprar. E como tal a qualidade média baixará por inerência.

3 – Super valorização dos atletas Britânicos

Hoje em dia o jogador Britânico por causa das regras em vigor já é caro. Mas ficará muito mais caro ainda. Talentos a despontar com dupla nacionalidade terão valor acrescido. Como o caso de Fábio Sturgeon por exemplo. Outros, como Ryan Gauld, serão ainda mais apetecíveis e caros.

Para não falar de Gareth Bale, que poderá muito bem tornar-se o mais caro de sempre com esta alteração.

Quem lucrará com isto?

A liga Francesa poderá finalmente tentar ter mais peso, mas dúvido que seja o caminho. Se o dinheiro estrangeiro começar a jorrar em Itália esta poderá voltar a ser a maior liga Europeia.

Já Espanha muda pouco. A luta a 2-3 continuará, apesar de alguns jogadores interessantes poderem ficar mais tempo antes de rumarem a Inglaterra.

Mas a minha aposta para próxima super potência será mesmo a Alemanha. Os seus clubes e rendimentos já andavam a subir consistentemente. Tem população, estrutura e estádios. E uma boa atitude perante o desporto.

Penso que será muito por ai.

O Preço do jogador de Top será ainda maior e mais díspar

Os jogadores bons, e medianos, continuarão a ter muito mercado pela Europa, mesmo que percam o Inglês. Mas os de topo, que passam as regras Inglesas, valerão ainda mais para os clubes Ingleses. E como tal colocarão todo o seu peso e esforço na compra desses mesmos jogadores.

Ficará um mercado ainda mais díspar, e complicado.

Mas uma coisa é certa, o Brexit irá mudar a Premier League e o Futebol. E quem se souber melhor adaptar mais irá ganhar.

 

 

Fruta e Vouchers

Varandas responde duro a Pinto da Costa, e com toque a Vieira

11
Frederico Varandas tem pecado, e muito, em falar pouco sobre os nossos inimigos externos, mas, e pela segunda vez numa semana, respondo...

5 Perguntas importantes a fazer sobre o caso Miguel Albuquerque

2
Estou um bocado transtornado com todo este caso que afecta Miguel Albuquerque e o Sporting. É público que acho que Miguel Albuquerque...

Frederico Varandas, o Murro na Mesa e as Consequências

4
Estava confortavelmente a ouvir a conferência de imprensa de Rúben Amorim, por sinal excelente, quando de repente surge a notícia de que...

Um empate com um Porto ajudado à anos 90

0
A quem se lembra dos anos 90 deve lembrar-se bem de equipas do Sporting cheia de jogadores técnicos, muita posse de bola...
Pinto da Costa Vieira

Pinto da Costa mente, Portistas, e alguns Sportinguistas, aplaudem

3
Ontem à noite vi de repente uma data de Sportinguistas e Portistas a elogiar uma entrevista de Pinto da Costa. Diziam que...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar