Segunda-feira, Setembro 21, 2020
Início Notícias Alvalade está vazio este ano. Serão estas as três causas?

Alvalade está vazio este ano. Serão estas as três causas?

Tenho Gamebox recorrente desde a direcção de Godinho Lopes, variando conforme a disponibilidade da minha carteira e colocação de amigos a escolha da bancada. Tento ir ao máximo de jogos que possa, e faço questão que a minha Gamebox esteja com alguém nos dias em que não posso. Como tal não preciso de olhar para números para saber que este ano temos as assistências mais baixas de que me lembro, ao nível da última época de Godinho Lopes.

Isto é visto no estádio e até na hora de estacionar, onde se encontra muito mais facilmente lugar agora que há um par de anos. E mesmo a comparação com o ano passado é de uma evidente perda de pessoas. E isto é grave, porque significa que a militância está menor, e é ela na realidade a força de um clube, não o corporate.

Mas quais os motivos deste afastamento? Na minha opinião há três chave.

Os aumentos da Gamebox

A 17 de Junho critiquei os aumentos nos preços da Gamebox (link). Mesmo não sendo um aumento colossal é um aumento, e bem significativo no caso das crianças.

Muita gente que já não estava propriamente satisfeita com o rumo que o futebol estava a levar ao ver um aumento teve o catalisador que faltava para deixar de comprar Gamebox, talvez pensando em ir a alguns jogos durante a temporada no entanto.

A péssima planificação do plantel 2019-20

Alguém minimamente honesto poderá dizer que este ano foi gerida de forma sequer aceitável a planificação do plantel? Temos alguns bons jogadores, dois ou três muito bons, e um fora de série. Mas atacamos o campeonato sem um ponta de lança titular nem um trinco de raiz, fora desequilíbrios em quase todos os sectores.

Muita gente vai aguardando a compra da Gamebox para quando chega aquela contratação que vai mudar tudo, e efectivamente é sabido que uma grande chegada aumenta estes números. Isto foi por exemplo chave com Nani quando regressou pela primeira vez.

Este ano talvez tivessem pensado nisso após a venda milionária de Bruno Fernandes, aliás parece que todo o plano era fazer algo depois da venda milionária de Bruno Fernandes e quando esta não aconteceu foi tudo a correr no último dia de mercado a Fernandos, Jesés e Bolasies…

A falta de ilusão do título

Podemos dizer que o ano passado também tínhamos um plantel desequilibrado, e é verdade, mas também havia ilusão no fecho do mercado. O regresso de Bruno Fernandes e Bas Dost traziam alguma esperança, e as primeiras jornadas com vitórias trouxeram alguma ilusão de que poderia ser ainda um bom ano. Este ano nada disso existiu, e chegamos ao fim do mercado a pensar que se calhar temos equipa para fazer um terceiro lugar seguro, e um segundo lugar caso o Porto ou o Benfica falhem.

Hoje em dia nem isso já resta, e estamos em Dezembro já todos à espera que a época acabe. É deprimente? É, mas nos dias em que mesmo com Gamebox pensamos em sair de casa para ir apanhar frio para um jogo que já vai decidir pouco, e normalmente mal jogado, acaba por ser uma ideia complicada.

Eu continuarei a ir sempre que possa, mas sei bem que mesmo o público mais resistente reage negativamente a tudo isto. E mesmo que tentem emendar agora em Janeiro com a compra de alguém sonante não se inverte porque este campeonato já foi.

Em sentido oposto se vendemos Bruno Fernandes e Acuña em Janeiro ai acho que vamos mesmo ter um record negativo em Alvalade, e o conformismo não irá desaparecer tão cedo.

Sporting Gil Vicente adiado, abriram a Caixa de Pandora, e agora?

0
O encontro entre o Sporting e o Gil Vicente, agendado para sábado às 18:30, vai ser adiado. Isto segundo informações adiantadas pela...

Fez sentido retirar a equipa principal para o Algarve?

0
O Sporting tem agendado para sábado às 18:30 frente ao Gil Vicente, no nosso estádio José Alvalade. No entanto a equipa principal...

Quando permitem a Abel Ferreira tentar ganhar ao Benfica isso acontece

1
Abel Ferreira sempre me pareceu um bom treinador, desde o seu início nos escalões mais jovens do Sporting, e foi um jogador...

Passagem de Marcos Acuña no Sporting, uma história de contradições

0
Ontem foi confirmada a saída de Marcos Acuña dos quadros do Sporting Clube de Portugal, a troco de cerca de 10 milhões...

Selecções, Regras da Liga e COVID-19

1
Hoje o Covid-19 volta em força à agenda dos Sportinguistas. A tarde começou com a notícia que haveria três jogadores do Sporting...

5 COMENTÁRIOS

  1. Um clube é feito de ciclos. Passamos por uma tormenta e razia de plantel, e agora vamos demorar um par de anos a para termos estabilidade financeira para voltar a investir forte e trazer um plantel mais competitivo. Isto se existir competência na gestão do clube, senão será sempre mais do mesmo. Pois não indo a Champions, estamos sempre dependente dos milhões dos contratos televisivos para sobreviver. A época 2020 a 2021 será importante garantir o acesso direto a Champions de preferência sendo campeão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar