Segunda-feira, Dezembro 5, 2022
InícioAnáliseJogosA justa derrota do Sporting frente ao Gil Vicente

A justa derrota do Sporting frente ao Gil Vicente

Sinto-me envergonhado com esta exibição do Sporting. A derrota é justa, merecida e clara. Custa-me no entanto ver um jogo do Sporting desta forma. Ver Bruno Fernandes quase em lágrimas a dizer no fim na flash que faltou personalidade, agressividade e atitude acaba por ser aceitável nele, mas não tira o peso do mau jogo feito.

Dizem-me na televisão que houve poucos remates e pouca chegada à área. Não deixa de ser verdade, mas ao ver todo o jogo um Luiz Phellype estático e um Jesé desparecido faz-me lembrar que este plantel não tem um ponta de lança titular. E quando somamos isso a um central com meio cérebro desligado como Ilori no lance em que ofereceu o golo no fim sai uma derrota.

Não quero desculpar Silas, mas também não o consigo culpar muito hoje. As opções não seriam as mesmas que eu. Claramente que não colocaria Ilori havendo Neto. E depois das boas indicações de Rafael Camacho teria sido ele em vez de Jesé que não mostrou ainda nada. Mas fora isso não acho que seja especial culpado do plantel desequilibrado, e com falta de qualidade óbvia na zona 9 e 6, que tem entre mãos.

Parabéns ao Gil Vicente, que soube sem ter muita bola ser de longe a equipa mais perigosa em campo, e a justa vencedora. Quanto ao Sporting, mudem algo e rápido. Assim não vamos claramente a lado nenhum, e mesmo a Liga Europa é um risco. É preciso pensar que temos de evitar perder pontos até Janeiro, e aí não vender mesmo nem Bruno Fernandes nem Acuña, e trazer pelo menos um ponta de lança titular e um seis de raiz. Sem isso temos um problema muito grave entre mãos.

Trincão é a imagem de uma equipa perdida.

1
Estou completamente farto de Francisco Trincão. Um jogador deambula entre a vontade de fazer mais uma fintazinha para o Youtube e o poder de...

Rúben Amorim e o que começa a parecer a história de Paulo Bento

1
Há uns dias, após a vergonha passada frente ao Marselha em Alvalade, estive para fazer um texto a comparar Paulo Bento e Rúben Amorim....

O que dizer do fim do Futebol de Praia do Sporting?

1
Lembro-me bem dos grandes jogos de Futebol de Praia que nos agarravam à televisão no final dos anos 90, e início da década de...
mercado de transferências

O que tem de ser feito até ao fim do mercado para ainda sonhar?

O jogo do passado sábado terá de ser visto para toda a equipa técnica e directiva como um enorme abre olhos. O Sporting precisa...

O que se passou ontem com Rúben Amorim?

0
Gosto muito de Rúben Amorim, e é o melhor treinador que já vi treinar o Sporting.  A forma que pegou na equipa sem medo, de...

3 COMENTÁRIOS

  1. Sinceramente não ia haver diferença entre um neto e o ilori ou um Camacho ou jeser. O coletivo não funcionou e mesmo individualmente também ninguém se destacou. E quando assim é, é derrota pela certa.
    A defesa esteve um desastre, o ataque nunca conseguiu criar desequilíbrios num Gil a jogar com uma disciplina tática muito bem organizada.
    O jogo com o PSV foi um erro de casting pois o normal é isto infelizmente. Melhores dias virão…

    • Melhores dias virão para quem ama este clube… Meia palavra basta para um bom entendedor. Podesse mudar de religião, de politica, mas de clube jamais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar