Domingo, Outubro 25, 2020
Início Análise Jogos A justa derrota do Sporting frente ao Gil Vicente

A justa derrota do Sporting frente ao Gil Vicente

Sinto-me envergonhado com esta exibição do Sporting. A derrota é justa, merecida e clara. Custa-me no entanto ver um jogo do Sporting desta forma. Ver Bruno Fernandes quase em lágrimas a dizer no fim na flash que faltou personalidade, agressividade e atitude acaba por ser aceitável nele, mas não tira o peso do mau jogo feito.

Dizem-me na televisão que houve poucos remates e pouca chegada à área. Não deixa de ser verdade, mas ao ver todo o jogo um Luiz Phellype estático e um Jesé desparecido faz-me lembrar que este plantel não tem um ponta de lança titular. E quando somamos isso a um central com meio cérebro desligado como Ilori no lance em que ofereceu o golo no fim sai uma derrota.

Não quero desculpar Silas, mas também não o consigo culpar muito hoje. As opções não seriam as mesmas que eu. Claramente que não colocaria Ilori havendo Neto. E depois das boas indicações de Rafael Camacho teria sido ele em vez de Jesé que não mostrou ainda nada. Mas fora isso não acho que seja especial culpado do plantel desequilibrado, e com falta de qualidade óbvia na zona 9 e 6, que tem entre mãos.

Parabéns ao Gil Vicente, que soube sem ter muita bola ser de longe a equipa mais perigosa em campo, e a justa vencedora. Quanto ao Sporting, mudem algo e rápido. Assim não vamos claramente a lado nenhum, e mesmo a Liga Europa é um risco. É preciso pensar que temos de evitar perder pontos até Janeiro, e aí não vender mesmo nem Bruno Fernandes nem Acuña, e trazer pelo menos um ponta de lança titular e um seis de raiz. Sem isso temos um problema muito grave entre mãos.

Fruta e Vouchers

Varandas responde duro a Pinto da Costa, e com toque a Vieira

11
Frederico Varandas tem pecado, e muito, em falar pouco sobre os nossos inimigos externos, mas, e pela segunda vez numa semana, respondo...

5 Perguntas importantes a fazer sobre o caso Miguel Albuquerque

2
Estou um bocado transtornado com todo este caso que afecta Miguel Albuquerque e o Sporting. É público que acho que Miguel Albuquerque...

Frederico Varandas, o Murro na Mesa e as Consequências

4
Estava confortavelmente a ouvir a conferência de imprensa de Rúben Amorim, por sinal excelente, quando de repente surge a notícia de que...

Um empate com um Porto ajudado à anos 90

0
A quem se lembra dos anos 90 deve lembrar-se bem de equipas do Sporting cheia de jogadores técnicos, muita posse de bola...
Pinto da Costa Vieira

Pinto da Costa mente, Portistas, e alguns Sportinguistas, aplaudem

3
Ontem à noite vi de repente uma data de Sportinguistas e Portistas a elogiar uma entrevista de Pinto da Costa. Diziam que...

3 COMENTÁRIOS

  1. Sinceramente não ia haver diferença entre um neto e o ilori ou um Camacho ou jeser. O coletivo não funcionou e mesmo individualmente também ninguém se destacou. E quando assim é, é derrota pela certa.
    A defesa esteve um desastre, o ataque nunca conseguiu criar desequilíbrios num Gil a jogar com uma disciplina tática muito bem organizada.
    O jogo com o PSV foi um erro de casting pois o normal é isto infelizmente. Melhores dias virão…

    • Melhores dias virão para quem ama este clube… Meia palavra basta para um bom entendedor. Podesse mudar de religião, de politica, mas de clube jamais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies. Mais informação

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Fechar