Hoje deparei-me com um artigo em destaque no Sapo. Mais concretamente no Sapo 24. Um artigo pernicioso, com muita argumentação subjectiva e tendenciosa contra o presidente do Sporting Clube de Portugal.

Olho para debaixo do titulo e vejo em destaque o nome do autor, José Amaro, e logo entre parêntesis para dar mais ênfase à idoneidade da pessoa o titulo de Jornalista.

jornalista

Bem sei que esta peça nem é jornalística, mas sim um artigo de opinião. Mas fiquei curioso sobre o seu autor, este jornalista.

Tentei em vão procurar na Internet mais sobre ele mas nada.

Como o titulo de jornalista até é regulado em Portugal, fui então à página que tem o nome de todos os jornalistas, e respectivas listagens.

Nesta página da Comissão da Carteira Profissional de Jornalista estão a listagem de todos os jornalistas activos. Fui até à letra correspondente, e encontrei apenas isto:

amaro

Fui ver quem era este senhor, nascido em 1947, e que nunca fez artigos sobre futebol. Além de assinar sempre com Dionísio presente. Provavelmente não será.

Bem, pensei eu, se calhar é algum estagiário. Mas felizmente nesta página também estão os estagiários.

Nada feito, não aparece também nesta listagem.

Será que as listagens estão desactualizadas, e que já existe algum jornalista, ou estagiário com este nome?

Ou será que o destaque do Sapo, atacando virulentamente o presidente do Sporting, está a ser dado a alguém que está a usurpar um título?

Perguntei no twitter ao @sapo, e até agora sem resposta. Se ela chegar, colocarei aqui. Até lá só as suspeitas do costume…

ADENDA

Surge na listagem outro José Amaro, neste caso José Bento Amaro, antigo jornalista do Sol e Público, mas que não lhe encontro artigos desportivos.

No entanto o nome profissional que tem registado é José Bento Amaro, e os jornalistas devem assinar sempre com o nome profissional. Será este? Ou as dúvidas mantêm-se?

2015-12-30

(obrigado pela ajuda na adenta @OArtistaDoDia)

E ESTA DESCOBERTO

José António Bento Amaro é jornalista desde 1987 (Correio da Manhã, Semanário e Público). Tem 51 anos de idade e, garante, mais de mil de benfiquismo. Trabalhou em áreas como a justiça, o desporto e quase toda a informação geral. Actualmente “mata o tempo em pequenos, mas honestos jornais regionais” e, sobretudo, em alguns projectos que deseja venham a ser literários. O Benfica? “O Universo e pequeno para tanta grandeza”. Nasceu na “mui nobre, gloriosa e sempre amiga Aldeia da Mata, Crato”, concelho onde também “mata um pouquinho do tempo” como secretário da Assembleia Municipal.

A qualidade do artigo de opinião, e a colocação da nota que era jornalista é que continua a ser duvidosa. Fica a nota para o Sapo no entanto para usar o nome jornalístico do mesmo, para facilitar estas pesquisas.

E já agora um obrigado ao Pedro Rebelo, que sigo faz já muitos anos com prazer, pela resposta. Mas podia dizer aí à malta do @sapo que podiam responder a estas questões, que teriam evitado o artigo. O Twitter serve para isto mesmo!

PARTILHA E DE NUNCIA