Pedro Guerra está para os benfiquistas como o fosso de Alvalade está para os sportinguistas: ambos provocam um sentimento de revolta por ter havido alguém a pensar que seriam necessários para os respetivos clubes, e já todos perceberam que será preciso um milagre para os fazer desaparecer.

O Artista do Dia (texto na integra aqui)

Deixar uma resposta