Três semanas é uma grande paragem no campeonato. No último jogo para esta prova fomos a Penafiel golear o clube local brilhantemente. Depois disso tivemos já dois jogos emotivos, contra adversários bem difíceis, e com resultados dispares.

Mas agora tudo se deve concentrar de novo no campeonato, que é a prova que mais queremos vencer.

O Adversário

O Marítimo é um adversário historicamente muito complicado. Especialmente no seu estádio do Barreiros, mas hoje em dia também nas deslocações.

No comando da equipa está Leonel Pontes. Adjunto de Paulo Bento durante todo o seu tempo em Alvalade, é um treinador de boa escola, e com muito conhecimento da nossa casa. Defensor de equipas muito disciplinadas, contem um conjunto muito homogéneo e de valor reconhecido.

Destacaria três jogadores. Primeiro que tudo Danilo Pereira. Um daqueles talentos desaproveitados pela escolas do clube de Carnide, mas um médio de elevado valor. Cheguei a dizer que caso William Carvalho saísse neste defeso era o jogador que gostaria de ver contratado.

Depois Fransérgio, o médio goleador dos rubro verdes. Está de pé quente, e tem uma estampa física e atitude competitiva que obrigará o meio campo a batalhar imenso.

E continuando na dimensão física chega Maazou. Um avançado tipicamente africano. Algum perfume técnico aliado a uma enorme potência física, torna-o um jogador muito forte no nosso campeonato.

O Sporting

Depois de dois grandes jogos frente a Porto e Shalke 04 a equipa transpira confiança e talento. Esse talento finalmente se tem transformado em golos. Contra estes dois adversários difíceis marcar seis golos, prova que finalmente a baliza começa a ser alvejada com o sucesso pretendido.

Quanto à equipa, neste momento muito dela já será uma base que se encontra formada.

Na defesa Cédric e Jonathan Silva são donos e senhores das laterais. Paulo Oliveira é o novo patrão, por muito que esteja em crescimento. Para lhe fazer companhia, Sarr e Maurício não me continuam a encher as medidas. Maurício deverá ser o escolhido por Marco Silva, mas não sei se tomaria a mesma opção.

William Carvalho, Adrien Silva e João Mário têm formado um meio campo de luxo. A magia conjugada com a capacidade trabalho e posicionamento têm sido top. E têm feito os Sportinguistas sonhar.

Sonhar e claro, ver magia pura vinda das alas. Nani a dar lições a cada jogo, e Carrillo a querer ser o melhor aluno. Finalmente a vingar o potencial do Peruano, e de que forma.

Na frente de ataque Slimani lesionado não me deixa a tremer de medo. Isto era o que sucedia no passado cada vez que o nosso ponta de lança não podia jogar. Mas agora tenho plena confiança em Montero. Gostava de o ver mais até, mas o resto tem estado bem demais para ele ter lugar.

Indo mais longe até digo que gostava de ver mais de Tanaka. Pode ser que entre a meio do jogo e ainda marque também o seu golo.

Previsão

Temos de ganhar. A equipa que tem mostrado o futebol dos últimos tempos só tem de ganhar a todos. Vá, admito que contra tubarões como o Chelsea não sejamos favoritos. De resto, contra qualquer clube Português, ainda para mais em casa, exijo a vitória.

Mais, acho que a única coisa que nos pode afastar desta vitória será uma má prestação fruto de faltas de concentração, ou excessos de confiança. E isto sabendo que o Marítimo tem uma boa equipa, um bom treinador, e está colado ao Sporting na classificação geral.

Deixar uma resposta