Hoje regressa a Liga Europa a Alvalade. Jogo contra um clube pouco cotado no futebol Internacional, o Skënderbeu Korçë, que tradicionalmente pediria uma vitória folgada. Mas depois começamos a ver que este ano tomámos a Liga Europa, pelo menos nesta fase, como a prova de eleição para dar minutos e oportunidades e jogadores menos rodados. Além disso temos um Derby a menos de 70 horas. Tudo somado deixa muitas dúvidas, mas nada como fazer um exercício de tentar formular um onze.

Na baliza Marcelo Boek deverá ser o titular. Com Rui Patrício a recuperar de lesão seria no mínimo cruel para com o Guarda Redes brasileiro não lhe dar a titularidade.

Na defesa temos casos bem diversos. Na esquerda é simples. Jonathan Silva tem entrado bem, mas ainda é suplente de Jefferson. Fácil a sua condição de titular neste lugar. Na direita é complicado. Na teoria João Pereira era o titular da equipa no inicio da época, sendo Esgaio o suplente. Mas o lugar talvez tenha invertido. Se assim o for, João Pereira será titulas nas provas menores, e consequentemente hoje. No entanto isto não é certo.

Ao centro da defesa todas as dúvidas. Para mim Ewerton e Paulo Oliveira são os nossos melhores centrais, logo deviam estar resguardados em jogos como o de hoje. Mas vindos de lesão podem precisar de ganhar ritmo e rotinas… Por outro lado não sei se para Jorge Jesus Naldo não será por agora um titular indiscutível. Com isto, garantidamente que colocaria Tobias em campo, até porque continuo a acreditar no seu potencial, e talvez Ewerton. Mas ao fazê-lo talvez o tivesse a colocar de parte para o derby.

No meio campo William já começa a ter ritmo, e Bruno Paulista entrou muito bem no jogo da taça. Colocar o Brasileiro a titular neste jogo seria um bom prémio. À sua frente provavelmente André Martins, que também é gente, e tem sido um excelente profissional.

matheus

Nas alas, o tempo dos miúdos. Matheus tem de jogar a titular, e se eu fosse a Jorge Jesus segredava-lhe ao ouvido: se tiveres dois golos, ou um golo e uma assistência até aos 60 minutos, tiro-te de campo, mas vais ser titular em Carnide. Do outro lado, Gélson Martins, que tem entrado sempre bem, e pode beneficiar da sua velocidade para meter em risco qualquer defesa.

Na frente de ataque preferia não ver Mané de ínicio pois pode vir a ser titular em Carnide na direita. Montero joga melhor no apoio ao ponta de lança, logo poderia ficar no lugar. E a ponta de lança Tanaka. Como André Martins tem sido um excelente profissional, e merece minutos. Isso, e o ano passado tinha um registo interessante de golos. Somando ao facto de Jorge Jesus já ter referido numa entrevista que conta com ele, e o considera um 9 puro, nada como uma oportunidade para o ver em acção

Deixar uma resposta