Faz hoje cinco anos que faleceu Sir Bobby Robson. Conhecido por ser um gentleman, e os dos homens que melhor viveu o futebol. Foi um jogador e treinador de topo. Mas melhor que isso é ver o impacto nas pessoas que trabalharam com ele. Muitos dos melhores jogadores da geração anterior passaram pelas suas mãos e evoluiram muito com ele. E muitos dos que treinou agora são grandes treinadores. E os seus adjuntos fizeram grandes carreiras.

A sua saída do Sporting Clube de Portugal foi um erro monumental, provavelmente o maior erro desportivo que me lembro no clube, e sentido por muito tempo. Mesmo mal tratado pela direcção da altura nunca teve uma palavra menos simpática para as nossas cores. E isto mesmo quando treinou o Futebol Clube do Porto. Mais foi dos poucos, senão único, treinadores que vi no Porto mantendo a sua postura e toda a classe.

Um senhor, e um grande nome da história do futebol. Que tenha o descanso merecido Sir Bobby Robson.

Deixar uma resposta