O Sporting Clube de Portugal, através de uma associação tal como aconteceu no Hóquei em Patins, recentemente voltou ao Rugby. No ano passado subiu ao segundo escalão do Rugby Nacional, e este ano terminou em sexto lugar desse campeonato.

Nesta competição apenas o primeiro lugar tem acesso a subir de divisão, e esse mérito foi conquistado pelo Caldas. O nosso rival Benfica ficou-se pelo quarto lugar.

Sucede que o Caldas resolveu que não tinha condições de enfrentar a luta na primeira divisão, e cedeu esse lugar à Federação Portuguesa de Rugby. Esta ofereceu-o a cada um dos classificados seguintes, até que um aceitou, o Sporting Clube de Portugal.

O Sporting não poderia fazer outra coisa. Somos um clube ecléctico, um histórico da modalidade, que ajudamos a fundar em Portugal e na qual participamos nas primeiras competições. O nosso ADN como Sportinguistas faz-nos ousados e competitivos. Sabemos que vai ser uma luta difícil, e que vamos ter um desafio enorme em converter a actual equipa amadora num quinze que enfrentará semi-profissionais, e profissionais.

Deverá ser passada a modalidade para a estrutura do clube mais cedo que o previsto, e colocando-a como semi -profissional, ou mesmo profissional? Não sei, mas confio na nossa direcção.

Uma coisa tenho a certeza, como apaixonado da modalidade irei ver todos os jogos que transmitirem na SportingTV, com grande satisfação. E claro, nunca esquecer que as belas camisolas verde e brancas às riscas são originalmente o nosso equipamento de Rugby. O futebol só as começou algumas décadas após a fundação.

Boa sorte equipa. Vamos precisar, mas com Esforço, Dedicação, Devoção teremos a Glória!

Deixar uma resposta