Há pouco mais de um ano Luís Duque disse claramente que um salário de cinco mil euros não o dariam para sustentar.

Mais disse que por esse valor não teria condições não aceitaria ser líder de uma SAD.

No entanto agora ao assumir a liderança da Liga de Clubes resolveu prescindir do ordenado chorudo a que teria direito.

A pergunta que faz falta responder é: quem lhe irá pagar por outro lado e porque?

Deixar uma resposta