Há quase três anos atrás a Selecção Portuguesa de Futebol foi eliminada sem glória do Mundial do Brasil.

Em Setembro, ainda com Paulo Bento a seleccionador, tudo se mantinha no mesmo marasmo.

Equipa sem ideias, sem evolução, e sem novos jogadores. No meio de uma dessas convocatórias escrevi isto, a 8 de Setembro de 2014.

E depois casos que parecem demasiado óbvios, como a não utilização de Adrien. Ou em Bruma ter sido preterido na lista final para este jogo. Ou Bruno Fernandes não ter sido convocado. Tantos casos que fazem pensar que ou Paulo Bento sabe algo que nós não sabemos, ou vemos um jogo diferente.

Na altura defendia a sua chamada à equipa principal por achar que era dos maiores talentos que estava a despontar com a nossa nacionalidade. E já era utilizado com muita regularidade na Serie A Italiana.

Somando estes dois factores tinha tudo para triunfar, e começar desde já a ser chamado por Portugal.

Contudo nunca referi muito que gostaria que o Sporting o fosse contratar. É um jogador jovem, com muito mercado, e os grandes de Itália tinham-no debaixo de olho. Especialmente a Juventus.

Fico feliz por estes dias em que o Sporting pode avançar firme para alvos destes, e os conseguir ao que parece. A qualidade está lá e é inegável.

Deixar uma resposta