Hoje vai ser transladado o corpo de Eusébio da Silva Ferreira para o Panteão Nacional. E por estar de novo na agenda mediática circula hoje de novo em abundância uma mentira, que por ser repetida muitas vezes já é tomada por verdade.

Esta mentira é que Eusébio da Silva Ferreira foi em tempos o vencedor do Prémio para melhor jogador do Mundo. E os factos provam isso mesmo.

O maior prémio individual conquistado por Eusébio, a Bola de Ouro da revista France Football, premeia o melhor jogador do mundo. Sendo a mais reputada fonte para esse titulo. No entanto falha aqui um pormenor a muita gente, especialmente jornaleiros e benfiquistas.

Este prémio apenas premeia o melhor jogador do Mundo a partir de 1995! Quando Eusébio ganhou essa distinção o futebol Sul Americano era tão ou mais forte que o Europeu. E nesse ano em particular um jogador, Edson Arantes Nascimento, mais conhecido como Pelé, teve uma das suas duas melhores épocas de sempre.

Marcando 63 golos em 45 jogos oficiais o Brasileiro foi nesse ano bem melhor que o jogador formado no Sporting de Lourenço Marques, que obteve 48 golos nesse mesmo período.

Mas para a nossa comunicação social, sempre ao serviço de interesses que todos conhecemos, e aos adeptos do clube sediado em Carnide, esta mentira continua a ser a verdade.

PARTILHA E DE NUNCIA

9 COMENTÁRIOS

  1. Hum…

    Fiódor Dostoiévski também nunca ganhou o Nobel da Literatura.
    E nenhum de nós até hoje venceu prémios que se inventarão daqui a 20 anos.

    O que é que isto acrescenta mesmo?

    Com respeito,

  2. Naquele tempo, bola de ouro premiava o melhor jogador a actuar na Europa. Eusébio era gigante, mas muitos diziam na altura que era o segundo melhor depois do Pelé. Por vezes, alguém perguntava, o Pelé europeu ou o Eusébio Sul americano, mas não era a opinião maioritária. Isto são factos e não vale a pena andar em discussões absurdas. Eusébio foi gigante e isso é que conta!

    • Meu caro, essa explicação é como deitar pérolas a porcos, não vale a pena perder tempo com aqueles exemplares.
      Se eles mentem na data de “nascimento”, que lhes importa que a Bola de Ouro – Melhor Jogador do Mundo só tenha “nascido” em 1995?
      Ou que os golos e penaltis que o finado marcava a jogar futebol, em 1995 já eram golos e penaltis de uísque? (grande “goleador”, ao que consta)

  3. Mesmo depois de morto o Eusébio incomoda muita gente… O maior espinho da vossa miserável história.. E não terem conseguido ficar cm o Eusébio.

    • Olha, jovem, a mim não incomoda nada, que esteja em descanso lá onde o largaram. E permite que te diga, ninguém ganha o que não existe, pois não? Por fim, em 1995, os golos e penaltis do Eusébio eram de uísque!

        • Está mais uma vez equivocado. O Troféu chamava-se, como se pode consultar na imprensa da época, Campeonato de Portugal. E na imprensa da época dizia claramente que o seu vencedor era o Campeão Nacional. Lá por muitos anos depois terem decidido que Ligas Experimentais é que eram os troféus… devem-se ter esquecido da parte experimental…

  4. Sr: Ivo Torres, que eu saiba, e no meu modesto português, melhor de todos os tempos quer dizer de outrora até à data actual ponto.O Eusébio já foi ultrapassado por CR7, acabou-se o todos os tempos e simplesmente o Eusébio foi o melhor no tempo dele, ponto final parágrafo .Peço desculpa mas o português bem escrito e bem falado é muito bonito.(e jà estou fora de Portugal há quase 47 anos.Bem hajam.

Deixar uma resposta