Dia de Sporting

Fábio Coentrão irá falhar o primeiro clássico que poderia jogar com o seu leão ao peito. É uma pena, mas as lesões acontecem e a hora de Fábio chegará.

Sem ele Jonathan Silva deverá ocupar a esquerda da defesa. Ao centro poucas dúvidas existem.

Mathieu é fenomenal e está numa forma brilhante. E o jogo menos conseguido de Coates frente ao Barcelona terá sido apenas um percalço.

Na direita estou ansioso por ver mais de Ristovsky é verdade. Mas Piccini tem jogado melhor do que a maioria esperava. E frente ao Barcelona foi até dos melhores em campo.

Na baliza Rui Patrício e na posição seis William são certezas. Tal como se firmam cada vez mais como certezas Bruno Fernandes e Battaglia.

E se esperava isso do jovem português o argentino tem superado tudo o que esperava dele. E assim garante o seu lugar no onze e quem sabe a continuar assim ainda acaba com Acuña e Messi na seleção Argentina.

Acuña esse que desde que esteja em condições é o dono da ala esquerda assim como Gelson da direita.

A ponta de lança as dúvidas são sempre poucas. Especialmente com Doumbia lesionado. E acredito que será o jogo em que Bas Dost se irá reencontrar com os golos.

Para surpresa, olhando para os convocados, apenas acredito que venha do banco. E aí quem sabe se teremos o retorno do pequeno grande Podence à forma e golos.

Um jogo difícil, contra um adversário forte e que tem um plantel mais caro que o nosso. Mas não será isso que nós vai colocar a olhar este jogo com uma intenção que não a de ganhar. Até porque apesar da equipa do Porto ser mais cara penso que a nossa é melhor!

Deixar uma resposta