A justiça pode tardar em ter coragem de condenar o Benfica pelo caso dos Vouchers. Mas não tem lata para ir ao extremo de tentar condenar Bruno de Carvalho por os denunciar.

Hoje foi conhecida a sentença, já após recurso, da queixa que o Benfica fez sobre Bruno de Carvalho por este ter demonstrado e denunciado a forma como o Benfica untava as mãos aos árbitros, assistentes e observadores.

A justiça avança um pouco a cada dia, mas não pode parar. Um dia espero que chegue mesmo a hora em que serão finalmente punidos estes dirigentes benfiquistas e o seu clube devidamente sancionado.

Deixar uma resposta