Ontem depois do jogo os jornalistas esperavam sedentos de sangue a conferência de imprensa. Afiadas as línguas para preparar a pergunta a Jorge Jesus sobre Carrillo. Lembravam-se provavelmente das declarações de Marco Silva aquando do caso Rojo-Slimani, em que fez tudo para meter o presidente e direcção em cheque.

Mas a resposta de Jorge Jesus contrastou com a do seu antecessor, e de forma curta directa e final disse: “Eu defendo os interesses do Sporting e tudo o que presidente achar que é bom para o Sporting… estou com ele. É uma decisão do presidente e tudo o que achar que beneficie o Sporting, estou de acordo com o presidente”.

Caso sanado, e vamos em frente que o Sporting é maior que isto. Mas eis que hoje, via Rádio Renascença, somos brindados com este titulo:

“Jorge Jesus não me protegeu, nem ajudou quando mais precisei”

Enorme soundbyte, mas quando vamos a ler o artigo vê-mos que se trata de Steven Victória. Jogador medíocre que passou nos tempos de Marco Silva pelo Estoril, e depois com Jorge Jesus como solução de ultra recurso no Benfica.

Claro que o artigo se foca em apontar defeitos a Jorge Jesus, e a louvar o talentoso, humilde, e tão honesto Marco Silva. O eterno coitadinho que foi mal tratado em Alvalade…

Às vezes à artigos que parecem demasiado encomendados… E este é um deles.

 

Deixar uma resposta